Música

terça-feira, 30 de maio de 2017

Ir ao Gerês de Autocarro desde o Aeroporto do Porto...Saiba como.


A Associação Gerês Viver Turismo estabeleceu em 2015 um acordo de cooperação com a empresa Get Bus com o objetivo de facilitar o acesso ao concelho de Terras de Bouro e mais propriamente à Vila do Gerês, neste acordo está envolvida também a Empresa Hoteleira do Gerês que faz o transporte de passageiros desde Braga até à Vila do Gerês a partir do local onde a Get Bus termina o transporte desde o Aeroporto até Braga.
Consulte aqui o mapa, todos os horários e os correspondentes preços das ligações Aeroporto/Braga, Braga/Vila do Gerês e Braga/Campo do Gerês.







domingo, 28 de maio de 2017

Programa 2017 de Caminhadas Guiadas no Gerês

A 5ª edição do Programa Anual de Caminhadas Guiadas decorre até ao dia 31 de Dezembro de 2017, é uma vez mais organizada pela Associação Gerês Viver Turismo e conta com o apoio da Câmara municipal de Terras de Bouro.
Este ano são mais de trinta os trilhos que durante 126 dias do ano 2017 poderá percorrer de uma forma segura com a supervisão de guias experientes e conhecedores do território.
Aceda aqui a toda a informação relativa a este tema e aqui consulte o calendário com os dias de todas as caminhadas.

Nova Logomarca Gerês...


A nova logomarca Gerês é uma representação gráfica e simbólica da paixão pela montanha e pela natureza.
Destina-se a facilitar a comunicação e divulgação do tão prestigiado turismo do Gerês, pretende-se também com esta nova imagem identificar as atividades desenvolvidas pela associação Gerês Viver Turismo.
Saiba mais aqui sobre o objetivo deste novo logotipo.
Saiba também mais aqui tudo sobre as imensas atividades turísticas que esta associação nos oferece.
Por último deixo aqui o link da página Facebook do Gerês Viver Turismo.


quinta-feira, 25 de maio de 2017

Recuperação dos Currais e Almoço típico do Vezeireiro (3 de Junho)


Os Currais de Fafião são espaços comunitários cuja criação nos transporta para tempos quase esquecidos, os vezeireiros continuam a cuidar destes currais e no dia 3 é a vez de todos participarem e contribuírem com um pouco de espírito comunitário para que a tradição vezeireira e os currais tenham um futuro assegurado.
Passe um dia diferente, fazendo uma caminhada pelos currais e completando o dia com um almoço típico do vezeireiro.
Clique aqui para aceder a toda a informação disponível.

sexta-feira, 19 de maio de 2017

Pela Ermida, Pozo da Seima, Ermita do Xurés, Rio Vilameá e Rio Caldo na Ponte da Seara.


2 dias de montanha com passagens programadas em variadíssimos locais, começou com uma visita a alguns amigos da aldeia da Ermida (Ponte da Barca), seguimos então em direção à belíssima aldeia de A Cela (Lobios) na Serra do Xurés para percorremos o trilho que nos levaria ao imponente Pozo da Seima, daqui seguimos para uma pequena visita à Ermita do Xurés, daqui e dos seus 690 metros de altitude temos uma vista privilegiada sobre todo o vale do Rio Caldo, manda a tradição que quem visita este local suba à torre da Igreja e toque o sino...Assim fizemos.
Daqui seguimos para um pequeno trilho junto ao Rio Vilameá, a chamada "Ruta dos Muiños do Vilameá", aqui aproveitamos para um pequeno banho numa das muitas lagoas que este belo rio vai formando ao longo do seu percurso. 
Depois do Rio Vilameá partimos em direção ao S.Bento da Porta Aberta para trilharmos algum caminho até ao local que dá pelo nome de Ponte da Seara, local sempre perfeito com uma belíssima praia junto ao Rio Caldo, por qui ficamos algum tempo a contemplar e a explorar um pouco deste local onde reina a paz e uma absoluta tranquilidade.
O dia começava a caminhar para a noite e era tempo de nos deslocarmos até ao local de pernoita, o abrigo conhecido por "Moinho o Armando" é mais um local lindíssimo junto ao Rio Homem e à Ponte Medieval de Quitão, apesar de privado aqui ficamos com a devida autorização do proprietário deste local.
Manhã cedo e por motivos pessoais fizemos o regresso a casa, a caminho ainda aproveitamos para uma pequena visita à bonita aldeia de Cabaninhas e a Ponte Romana de Cabaninhas sobre o Ribeiro de Rodas.
Momentos de enorme tranquilidade que como tantos outros ficam para sempre na nossa memória.