Música

segunda-feira, 26 de junho de 2017

Trilho das Minas dos Carris e o maravilhoso mundo do Vale do Rio Homem...


Ao longo dos anos o Trilho das Minas dos Carris foi-se transformando num percurso de culto para os amantes da montanha e não só...Se por um lado o trilho é frequentado por montanhistas preparados e com uma enorme cultura de montanha por outro também tem sido alvo de imensas investidas por parte de muitos aventureiros sem o mínimo de preparação e sem o mínimo de conhecimentos em relação ao material adequado a utilizar, falo de calçado, vestuário, água em quantidades equilibradas mediante as condições climatéricas, etc.
Não é por acaso que muitas vezes tem sido necessário a intervenção de equipas de resgate, o trilho pode parecer simples pelo facto de ser um troço largo e bem definido mas é puro engano, o trilho pela sua extensão (22 Kms ida e volta), pelo piso empedrado que o torna penoso e desgastante e pelo facto de se iniciar com 700 metros de altitude e acabar nos 1.500 metros acaba por exigir boa preparação e calçado adequado para quem o percorre, em dias de temporal e principalmente no inverno onde os nevões são frequentes nas cotas mais altas do Vale do Homem é indispensável a utilização de vestuário com uma boa impermeabilização de modo a evitar situações de hipotermia.
Não esquecer também e para evitar a possibilidade de uma pesada coima que grande parte do trilho é feito em Zona de Proteção Total o que implica uma autorização do ICNF/PNPG.
Quanto ao trilho é fabuloso desde o início até ao fim, pouco depois de o iniciarmos vamos encontrar a Fonte da Abelheira, se para lá ainda a podemos ignorar, no regresso é um local de paragem obrigatória devido ao desgaste a que estamos sujeitos, no verão e com temperaturas um pouco mais elevadas esta fonte é quase uma miragem, por falar em verão é aconselhável evitar a realização deste trilho em dias de calor excessivo...
Depois da fonte é apreciar tudo o que este fantástico Vale do Rio Homem tem para nos oferecer, são quatro as Pontes que iremos atravessar antes de chegar à subida final que nos vai levar bem lá ao topo nas Minas dos Carris, a Ponte da Ribeira de Água de Pala, a Ponte do Ribeiro de Cagarouço, a Ponte de Modorno e a Ponte de Chã de Lamalonga.
Todos podem visitar este local, o local não se situa em Zona de Proteção Total, apenas o trilho até bem perto das Minas está localizado numa ZPT, existem outros trilhos que evitam a ZPT e que nos levam lá sem a necessária autorização.






































































































































Sem comentários:

Enviar um comentário