Música

quarta-feira, 9 de maio de 2018

Pela Serra Amarela desde Mosteirô à Ermida e até Ponte Portamaceira...


Mais dois dias pela sempre bela Serra Amarela, confesso que sempre fui um apaixonado por esta serra e dificilmente este sentimento irá mudar, não tendo de forma alguma a mesma imponência da Serra do Gerês existe algo na Amarela que me fascina, algo que me faz tão bem...
Desta vez tinha em mente a descoberta de algumas cabanas e de um abrigo natural que ainda desconhecia, iniciei em Mosteirô e serpenteando um pouco pela montanha passei Chã de Cerqueira e Porta Bilhares (Porto da Laje) antes de virar à esquerda em direção à Cabana do Lagedo, Chã do Couto, Escaravilheira e Curral da Lomba, apontando depois a Rebordo no Feio, no 2ºdia a minha missão era subir o Ribeiro do Gavião até à Cabana e depois atingir o cume da Torre Grande, sinceramente ia com algumas dúvidas se realmente conseguiria cumprir o que tinha planeado porque suspeitava que depois da Ponte de Portamaceira a vegetação seria de tal forma densa que dificilmente conseguiria fazer o último klm até ao alto da torre, infelizmente estava certo e achei que não valia a pena despender de uma estafa monumental para subir ao alto da torre, depois de explorar um pouco do Rio Cabril e do Ribeiro do Gavião desloquei-me até à Ponte Mona onde me deixei ficar algumas horas no mais completo "relax" antes de regressar ao ponto de partida...

Abrigo de Outeiro do Corvo








Cabana do Lagedo






Abrigo de Pastor



Chã do Couto




Escaravilheira

Cabana da Lomba






Rebordo no Feio













Rio Cabril e Torre Pequena


Torre Grande e Torre Pequena

Ribeiro do Gavião






Rio Cabril





Ponte Mona






Sem comentários:

Enviar um comentário